• Toshio Shimada

    AS TATUAGENS DE KARURA E GARUDA

    Tatuagens Karura e Garuda

    As imagens da cultura oriental costumam ser a inspiração para a arte em todo mundo ocidental, especialmente quando se trata da arte das tatuagens. O Karura (迦 楼 羅) é uma criatura divina com torso humano e cabeça de pássaro na mitologia japonesa. O nome é uma transliteração do garuda, uma espécie de pássaros gigantescos no hinduísmo, na qual a versão budista e japonesa são baseada.

    Não é difícil de ser atraído pelos seres mitológicos que você pode encontrar no Japão, China, Índia, Tailândia ou Indonésia – é importante notar que muitos desses personagens têm um significado divino na vida diária de budistas, xintoístas e hindus.

    As tatuagem se tornaram popular e são feitas em vários estilos, graças às suas muitas histórias de origem, a tatuagem de Karura ou Garuda, são motivos mais usado na Tailândia ou Indonésia.

    Esta é uma escolha impressionante, mas você deve pesquisar bem as criatura divina antes de fazer uma!

    Em primeiro lugar, a tatuagem terá muito mais significado quando você a conhecer suas origens.

    Quem é Garuda no hinduísmo?

    Karura é talvez mais conhecido como Garuda – uma divindade animal da mitologia hindu. Garuda é uma das 3 divindades animais, e você provavelmente já ouviu falar das outras duas.

    Garuda está em boa companhia com Ganesha, o ser com cabeça de elefante, e Hanuman, o deus macaco.

    Garuda é um homem-pássaro com grandes asas douradas.

    É dito que Garuda eclodiu de um ovo gigante que pode ter queimado o mundo inteiro até ficar crocante quando eclodiu, mas Garuda foi misericordioso.

    Ele apagou o fogo e encolheu-se a um tamanho menos intimidante.

    Este é um bom exemplo da dualidade de Garuda.

    Para colocar as coisas em termos modernos, Garuda é “caótico bom”.

    Garuda é o inimigo do mal, mas é um guerreiro feroz e implacável na batalha.

    Basicamente, você não gostaria de ficar no lado ruim de Garuda.

    Garuda tem uma rivalidade particular com as cobras.

    Suas enormes asas permitem que ele voe em incríveis velocidades.

    Dependendo da lenda em questão, as asas de Garuda podem crescer ou diminuir de tamanho.

    Em algumas histórias, eles têm quilômetros de comprimento, em outras, são grandes o suficiente para bloquear o sol.

    Por causa de sua ferocidade e natureza benevolente, Garuda foi escolhido para ser o veículo do Senhor Vishnu- um deus central no hinduísmo.

    Quem é Karura na mitologia japonesa?

    Karura fez seu caminho para o Japão através da China e acabou se tornou uma figura do budismo japonês.

    A mudança de nome tem origens simples – vem da maneira como os japoneses pronunciam Garuda.

    Você também pode ver Karura referido como konjichō, que se traduz em pássaro com asas douradas.

    Karura não é tanto um ser divino, mas uma espécie de semideuses.

    Karura respira fogo e vive com uma dieta constante de dragões e cobras venenosas.

    Não há muitas diferenças entre os Karura e Garuda.

    Karura, por exemplo, são ligeiramente mais parecidos com humanos e menos parecidos com pássaros do que Garuda.

    Mas com o passar do tempo, as representações de Garuda tornaram-se um pouco mais humanas, então as duas criaturas adjacentes evoluíram juntas.

    Similarmente a Garuda, Karura também é considerado enorme em tamanho.

    O bater das asas de um Karura soa como um trovão e pode criar rajadas de vento fortes o suficiente para secar lagos e derrubar casas.

    Eles podem lançar cidades inteiras na escuridão com suas asas gigantes, os Karura não passam muito tempo na Terra.

    Eles habitam o reino celeste conhecido como Tendō, em uma montanha chamada Shumisen (Monte Meru).

    O que Garuda e Karura simbolizam?

    Os Karura e Garuda têm uma rivalidade natural e aversão às serpentes, conhecidas como Naga. (para ler mais sobre Naga, aqui esta um link que fala sobre isso!)

    Embora as serpentes tenham seu próprio simbolismo divino – elas são uma representação da morte e das trevas.

    Por outro lado, Garuda e Karura voam pelo céu com asas douradas, tornando essas criaturas místicas uma imagem natural de nascimento e vida.

    No budismo, existem quatro virtudes principais.

    Essas são conhecidas como as quatro dignidades e são representadas por animais.

    Um dragão representa o poder, o leopardo da neve representa o Coragem, o tigre representa a confiança e, finalmente, nosso amigo Garuda / Karura representa a sabedoria.

    O Garuda é um símbolo de sabedoria por causa de sua “visão aérea” do mundo.

    Se você for olhar para uma situação objetivamente à distância, a resposta geralmente virá até você.

    Garuda também é o símbolo nacional da Tailândia e da Indonésia.

    As imagens de Garuda são frequentemente associadas aos militares, devido à natureza violenta, mas benevolente, da figura.

    Inscreva se no meu canal do YouTube onde eu posto conteúdo sobre várias histórias e significado da tatuagem e a cultura oriental. Deixe também seus comentários e sugestões sobre novos conteúdos que você quer ver nos próximos vídeos, deixe seu like o link para o canal esta aqui abaixo.

    https://www.youtube.com/user/shimadatattoo

  • Toshio Shimada

    Fudō Myōō – Acala

    Fudō Myōō不動明王 é uma divindade protetora Budista, mais especificamente das tradições Shingon (眞言), uma das maiores escolas dentro do Budismo, e vertente do Budismo Vajrayana. Está classificado como um dos Reis da Sabedoria, sendo o mais conhecido entre os Cinco Reis da Sabedoria do Ventre.

    3353_1616467

    Acala  (em sânscrito: अचलनाथ), Acalanatha Vidya Rāja ou “Senhor Inabalável“, como também é conhecido, costuma ser representado em tons de azul, com uma expressão nervosa, portando uma espada que corta as mentes ignorantes e egoístas e um laço que mantém a mente no caminho da sabedoria e controla as emoções mais violentas.

    A espada usada por Acala é chamada Vajra (金剛杵) e possui um cabo com formato peculiar simbolizando as propriedades de indestrutibilidade do diamante e da força do trovão, é comum encontrar ilustrações em que ela aparece flamejante,  em outras ocasiões é descrita como uma espada do tesouro (宝剣), ou até mesmo como Kurikara-Ken, uma espada envolta por um dragão, como foi ilustrada na pintura de Akafudō.

    Atrás de Acala aparece uma espécie de aura de fogo que está relacionada com Garuda, um pássaro de fogo que na mitologia Hindu, é equivalente à Fênix. Essa chama é responsável por queimar as impurezas e maldades do mundo.

    Outra característica é a rocha em que Acala permanece sentado, que está ligada a paz e felicidade inabalável de seus seguidores.

    img_2045
    Acala por Toshio Shimada

    De acordo com as lendas Fudō Myōō pode possuir até 48 servos ao todo, mas normalmente são apenas 2 jovens, Kimkara (矜羯羅童子) e Cetaka (吒迦童子) que aparecem juntos a ele.

    No Japão o  Fudō Myōō é uma das principais deidades, sendo encontrado em templos e santuários ao ar livre, como o famoso Narita Fudo.

    Além de todos esses significados, de modo geral o Fudō Myōō simboliza de forma enérgica, a força de vontade em incentivar todos os seres vivos a seguirem  os ensinamentos de Buda. Devido a todas essas lendas que o Fudō Myōō se popularizou  no meio da tatuagem, onde serve como referências para Back Pieces (tatuagens que cobrem as costas inteiras), pois seu tamanho seria proporcional à proteção que a pessoa receberia. Ainda sobre tatuagens, é comum que a escolha da divindade seja devido ao ano de nascimento da pessoa, uma espécie de “signo” onde cada ano seja “regido” por um deus diferente.

    12246697_996819693693447_1734695638009687448_n
    Tatuagem Acala por Toshio Shimada

    Um outro ponto interessante é que 2017 é considerado o ano do Fudō Myōō.

    Texto por Rafael Lucente.